Página inicial do sítio > Informação > Notícias (Press Review) > Portugal (Notícias) > Portugal sobe 15 posições no ranking da competitividade

Portugal sobe 15 posições no ranking da competitividade

36.º lugar

quarta-feira 3 de Setembro de 2014, por Diário de Notícias

Todas as versões deste artigo : [français] [Português]

Portugal subiu 15 lugares e ocupa o 36.º lugar no ’ranking’ mundial de competitividade de 2014-2015, divulgado hoje pelo Fórum Económico Mundial, recuperando de uma queda que se verificava desde 2005, com exceção de 2011.


O ’ranking’ mundial de competitividade continua a ser liderado pela Suíça, seguida por Singapura. Estados Unidos, que subiram dois lugares, Finlândia e Alemanha, que desceram uma posição cada um, ocupam o terceiro, o quarto e o quinto lugares da tabela.

Portugal surge no 36.º lugar do ’ranking’, invertendo uma tendência de queda que se verificava desde 2005, quando o país alcançou o 22.º lugar. O país caiu na tabela durante vários anos, à exceção de 2011, quando subiu uma posição, e no relatório divulgado no ano passado ocupou o 51.º lugar.

No caso português, o Fórum destaca que "o ambicioso programa de reformas adotado pelo país parece começar a dar bons resultados", considerando, no entanto, que Portugal "não deve ser complacente e deve continuar com a implementação completa" dessas reformas, de modo a combater "as preocupações macroeconómicas persistentes".

Na verdade, o contexto macroeconómico (a dívida pública portuguesa é a 6.ª pior entre os 144 países analisados), o desenvolvimento do mercado financeiro e a eficiência do mercado de trabalho receberam as pontuações mais baixas no ’ranking’.

Para o Fórum, a burocracia, a carga fiscal e o acesso ao financiamento são os três fatores "mais problemáticos" para o desenvolvimento de negócios.
Entre os pontos positivos estão as infraestruturas (Portugal é o segundo país do ’ranking’ com a melhor qualidade das estradas), o ensino primário e superior (as escolas de gestão ocupam o 4.º lugar na tabela) e a preparação tecnológica.

A perspetiva portuguesa do relatório do Fórum Económico Mundial é apresentada esta manhã, em Lisboa pela Associação para o Desenvolvimento da Engenharia e pelo Fórum de Administradores de Empresas, num evento que conta com a intervenção do ministro da Economia, António Pires de Lima.

por Texto da Lusa, publicado por Lina Santos

Diário de Notícias


PortugalVivo

Tous droits réservés (Portugal Vivo®) Ce site ainsi que sa charte graphique sont protégés par un copyright© international qui interdit toutes reproductions mêmes partielles.
La société Portugal Vivo® est habilitée à poursuivre toutes personnes morales ou physiques violant le copyright©
Dans le cadre de la revue de presse, Portugal Vivo utilise des articles ou photos dont il nâ€â„¢est pas lâ€â„¢auteur. Ces éléments restent la propriété de leur auteur. Portugal Vivo cite systématiquement le journal source avec un link vers celui-ci.
Mentions Légales : PORTUGAL VIVO - 102 avenue des Champs Elysées, 75008 Paris - France | SARL au capital de 15.000 ââ€Å¡¬uros - R.C.S. Paris B 441 119 286 | Représentant Légal : Jorge Loureiro | email : net@portugalvivo.com