Accueil > Informação > Notícias (Press Review) > Portugal (Notícias) > Portugal foi o país onde a ’troika’ mais errou

Portugal foi o país onde a 'troika' mais errou

’El País’ escreve

segunda-feira 23 de Dezembro de 2013, par Diário de Notícias

Todas as versões deste artigo : [français] [Português]

Foi anunciado que o PIB subiria 1,2% em 2013 e 2,5% em 2014 no entanto, a realidade é que cairá 1,8% este ano para crescer apenas 0,8% em 2014, sublinha hoje o ’El País’ num artigo dedicado a Portugal.


O cálculo do impacto da austeridade conduziu a vários erros nas previsões de crescimento dos países sobre programas de resgate. Segundo o Fundo Monetário Internacional (FMI), Portugal foi o país onde se registaram mais erros de avaliação.

O jornal espanhol "El País" escreve hoje que "até ao momento, tanto as informações das últimas avaliações da troika - formada pela Comissão Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional - como da diretora-geral do FMI, Christine Lagarde, já admitiram que houve "erros" nas previsões de crescimento dos países resgatados (Grécia, Portugal e Irlanda). O FMI calculou que Portugal cresceria 1,2% em 2013 e 2,5% em 2014 no entanto, a realidade é que, segundo o governo português, a economia descerá 1,8% este ano e subirá apenas 0,8% em 2014.

No caso português, as falhas sobre as previsões de crescimento da economia foram "significativamente" superiores às dos outros países resgatados, afirma o FMI. "Ainda que as previsões para Portugal sejam comparáveis às dos outros países, o erro de cálculo foi significativamente maior", disse o Fundo.

por Luís Manuel Cabral

Diário de Notícias


PortugalVivo

Tous droits réservés (Portugal Vivo®) Ce site ainsi que sa charte graphique sont protégés par un copyright© international qui interdit toutes reproductions mêmes partielles.
La société Portugal Vivo® est habilitée à poursuivre toutes personnes morales ou physiques violant le copyright©
Dans le cadre de la revue de presse, Portugal Vivo utilise des articles ou photos dont il nâ€â„¢est pas lâ€â„¢auteur. Ces éléments restent la propriété de leur auteur. Portugal Vivo cite systématiquement le journal source avec un link vers celui-ci.
Mentions Légales : PORTUGAL VIVO - 102 avenue des Champs Elysées, 75008 Paris - France | SARL au capital de 15.000 ââ€Å¡¬uros - R.C.S. Paris B 441 119 286 | Représentant Légal : Jorge Loureiro | email : net@portugalvivo.com