Página inicial do sítio > Informação > Notícias (Press Review) > Comunidade Lusófona de França (Noticias) > Inaugurada em Vila Nova de Paiva

Inaugurada em Vila Nova de Paiva

O Presidente da Câmara de Orsay foi inaugurar Praça da Europa

sexta-feira 5 de Setembro de 2008, por LusoJornal

Todas as versões deste artigo : [français] [Português]

O Presidente da Câmara de Orsay, David Ros, recentemente eleito nas últimas eleições municipais francesas, deslocou-se a Vila Nova de Paiva, um concelho no distrito de Viseu com o qual Orsay está geminado, no passado dia 12 de Agosto, para participar no Dia do Emigrante e para inaugurar a Praça da Europa, numa das rotundas daquela vida beirã.


“Esta foi a primeira vez que vim a Portugal depois de ter sido eleito” disse ao LusoJornal o Maire de Orsay. “Esta geminação com Vila Nova de Paiva não foi assinada por mim, mas quero continuar a animá-la e até a desenvolvê-la”.

A geminação entre Vila Nova de Paiva e Orsay foi assinada pela Maire derrotada nas últimas eleições Marie Hélène Aubry e pelo actual Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Paiva, Manuel Custódio.

“Este Concelho é específico porque tem a aldeia mais brasileira de Portugal, Vila Cova à Coelheira, e a aldeia mais francesa de Portugal que é Queiriga” explica Manuel Custódio. A maior parte dos habitantes de Queiriga emigrou para França, e instalou-se nas cidades de Orsay e Les Ulis.

David Ros fez-se acompanhar pelo adjunto Ludovic Grousset. Chegaram a Vila Nova de Paiva no dia 12 de manhã e foram recebidos no Salão nobre da Câmara Municipal onde foi assinado o livro de honra e onde houve uma troca de presentes entre os dois Presidentes. Depois, seguiu-se um almoço ao ar livre no alto de Vila Cova à Coelheira e um espectáculo de folclore com o rancho local e com o Rancho Folclórico da Casa de Viseu no Rio de Janeiro, em digressão por Portugal.

Antes porém foi inaugurada a Praça da Europa, pelos dois Presidentes, uma das rotundas da vila que agora faz alusão à geminação entre as duas localidades.

Já à noite foi Quim Barreiros quem animou a Festa do emigrante, na praça anexa à Câmara Municipal e na presença de milhares de forrasteiros, muitos dos quais residentes em França.

“Quando era garoto os meus pais tinham o posto público de Queiriga e por isso sei o que é emigração” afirma Manuel Custódio. “Por vezes tinha de ler e de escrever as cartas entre aqueles que sairam e aqueles que ficaram”. Hoje dedica uma atenção particular aos seus concidadãos que residem no estrangeiro. Para além de uma geminação com Orsay, onde esteve no ano passado, assinou outra com a localidade de Duque de Caxias, no Brasil, para onde também viaja regularmente. “Quero manter um contacto estreito com as gentes do Concelho de Vila Nova de Paiva que residem no estrangeiro. E não o faço apenas por obrigação. Faço-o também por respeitar aqueles que tiveram que partir e que continuam a alimentar a economia deste concelho” disse em entrevista ao LusoJornal.

LusoJornal


PortugalVivo

Tous droits réservés (Portugal Vivo®) Ce site ainsi que sa charte graphique sont protégés par un copyright© international qui interdit toutes reproductions mêmes partielles.
La société Portugal Vivo® est habilitée à poursuivre toutes personnes morales ou physiques violant le copyright©
Dans le cadre de la revue de presse, Portugal Vivo utilise des articles ou photos dont il nâ€â„¢est pas lâ€â„¢auteur. Ces éléments restent la propriété de leur auteur. Portugal Vivo cite systématiquement le journal source avec un link vers celui-ci.
Mentions Légales : PORTUGAL VIVO - 102 avenue des Champs Elysées, 75008 Paris - France | SARL au capital de 15.000 ââ€Å¡¬uros - R.C.S. Paris B 441 119 286 | Représentant Légal : Jorge Loureiro | email : net@portugalvivo.com