Página inicial do sítio > Informação > Notícias (Press Review) > Portugal (Notícias) > FMI defende continuação da moderação salarial em países como Portugal

FMI defende continuação da moderação salarial em países como Portugal

terça-feira 24 de Novembro de 2015, por Destak

Todas as versões deste artigo : [français] [Português]

Um estudo de economistas do Fundo Monetário Internacional (FMI) defende a continuação da moderação salarial em países como Portugal, considerando que tem um impacto positivo na criação de emprego e no crescimento do Produto Interno Bruto (PIB).


De acordo com uma ’Nota para Discussão’ de uma equipa de 10 economistas do FMI, que se centra sobretudo nos países da zona euro atingidos pela crise - Portugal, Espanha, Grécia, Irlanda e Itália -, apesar de já haver um processo de crescimento moderado dos salários nominais, com estes a reduzirem-se face à produtividade, é necessário "mais moderação salarial" para aumentar o emprego e evitar que essas economias regressem aos défices da balança de conta corrente com a recuperação económica.

Os economistas defendem que essa moderação salarial teria um efeito positivo na competitividade, tornando a compra de bens e serviços mais baratos e ajudando as exportações, mas também na procura interna devido à riqueza trazida pelo aumento das exportações, ainda que mitigado por um efeito negativo de um aumento real das taxas de juro.

Destak


PortugalVivo

Tous droits réservés (Portugal Vivo®) Ce site ainsi que sa charte graphique sont protégés par un copyright© international qui interdit toutes reproductions mêmes partielles.
La société Portugal Vivo® est habilitée à poursuivre toutes personnes morales ou physiques violant le copyright©
Dans le cadre de la revue de presse, Portugal Vivo utilise des articles ou photos dont il nâ€â„¢est pas lâ€â„¢auteur. Ces éléments restent la propriété de leur auteur. Portugal Vivo cite systématiquement le journal source avec un link vers celui-ci.
Mentions Légales : PORTUGAL VIVO - 102 avenue des Champs Elysées, 75008 Paris - France | SARL au capital de 15.000 ââ€Å¡¬uros - R.C.S. Paris B 441 119 286 | Représentant Légal : Jorge Loureiro | email : net@portugalvivo.com