Página inicial do sítio > Informação > Notícias (Press Review) > Portugal (Notícias) > Campanha desafia os portugueses: “Ponha Portugal no Mapa”

Campanha desafia os portugueses: “Ponha Portugal no Mapa”

Turismo

segunda-feira 12 de Setembro de 2016, por Destak

Todas as versões deste artigo : [français] [Português]

“Ponha Portugal no Mapa" é o mote para a nova campanha do Turismo de Portugal, que se destina à promoção do turismo interno.


Com o objetivo de incentivar os portugueses à realização de miniférias na época baixa, esta campanha pretende mostrar a diversidade da oferta turística nacional através do ponto de vista dos portugueses, que são convidados a fazer pequenos filmes sobre o que consideram mais interessante visitar em Portugal.

Em linha com as atuais tendências de comunicação, em que o conteúdo gerado pelas pessoas é muito valorizado e tem um elevado capital de influência nos momentos de decisão de compra, a campanha de turismo interno irá, numa primeira fase, envolver e mobilizar os portugueses na produção de pequenos filmes sobre a oferta turística nacional. Nesse sentido, sob o mote “Ponha Portugal no mapa”, os Portugueses serão convidados a filmar Portugal e a construir o primeiro vídeo mapa do País que ficará disponível numa plataforma digital criada para o efeito.

Através de uma ’app’ desenvolvida por uma Startup portuguesa (Glymt), serão lançados 16 desafios, ao longo de 16 semanas, que inspirem os portugueses a filmarem Portugal, escolherem o que consideram melhor e que recomendam do nosso país. Estes desafios pretendem mostrar a diversidade da oferta nacional, permitem uma ampla cobertura do território e refletem os ativos estratégicos definidos no âmbito da Estratégia para o Turismo 2027.

Para acederem a estes desafios é necessário instalar no telemóvel a app Glymt, fazer um vídeo de cerca de 5” a 20” sobre cada desafio e posteriormente carregar o vídeo na mesma app. Os vídeos selecionados poderão ser utilizados na comunicação nacional e internacional do País, até ao limite máximo de 400, e terão uma recompensa para o participante de 50 euros por vídeo selecionado.

Esta abordagem irá ainda permitir chegar a um público mais jovem, normalmente pouco ativo na produção de conteúdos para o turismo, o que proporcionará um olhar diferente e inusitado da oferta turística nacional.

O primeiro desafio será dedicado ao “Mar”, fazendo jus ao local onde é lançada esta campanha, no Funchal, em frente ao mar.

“Ponha Portugal no Seu Mapa” será a segunda fase da campanha interna. Nesta fase de divulgação serão utilizados canais de televisão e outros meios, para a exibição de spots de publicitários, produzidos a partir de uma seleção dos vídeos feitos pelos portugueses durante a fase de mobilização.

Ana Mendes Godinho, Secretária de Estado do Turismo sublinha que “esta é uma campanha totalmente inovadora, na qual todos os portugueses são convidados a participar, pois somos todos embaixadores do turismo de Portugal. Com esta campanha vamos permitir que sejam os portugueses a construir a nossa imagem de promoção.”

Luís Araújo, Presidente do Turismo de Portugal afirma que “no primeiro semestre deste ano o número de portugueses a escolherem Portugal para fazerem férias aumentou 7,6% e, apesar de ser um ótimo sinal, temos de ambicionar mais, pois estes resultados podem ser claramente melhorados. O Turismo interno é fator de dinamização das regiões e representa também um papel crucial na redução da sazonalidade turística.”

O peso do turismo interno em Portugal é de cerca de 40,6% nos hóspedes (3,5 milhões), e de acordo com os dados divulgados pelo INE, no acumulado de janeiro a junho de 2016, as dormidas de residentes em Portugal no alojamento turístico português foram, 6,3 milhões (+7,9%), sendo que o mercado interno correspondeu a 27,3% das pernoitas totais.

Por região, em total de pernoitas, de janeiro a junho de 2016, o destino n.º1 dos residentes em Portugal foi Lisboa, com 1,41 milhões de dormidas, seguindo-se o Norte de Portugal, com 1,38 milhões, Algarve, com 1,29 milhões, Centro, com 1,16 milhões, Alentejo, com 420,3 mil, Madeira, com 330,1 mil e Açores, com 300 mil.

Destak


PortugalVivo

Tous droits réservés (Portugal Vivo®) Ce site ainsi que sa charte graphique sont protégés par un copyright© international qui interdit toutes reproductions mêmes partielles.
La société Portugal Vivo® est habilitée à poursuivre toutes personnes morales ou physiques violant le copyright©
Dans le cadre de la revue de presse, Portugal Vivo utilise des articles ou photos dont il nâ€â„¢est pas lâ€â„¢auteur. Ces éléments restent la propriété de leur auteur. Portugal Vivo cite systématiquement le journal source avec un link vers celui-ci.
Mentions Légales : PORTUGAL VIVO - 102 avenue des Champs Elysées, 75008 Paris - France | SARL au capital de 15.000 ââ€Å¡¬uros - R.C.S. Paris B 441 119 286 | Représentant Légal : Jorge Loureiro | email : net@portugalvivo.com